Tailândia tem cinema flutuante em ilha paradisíaca; Veja fotos

Localizada numa lagoa formada por rochas que brotam de uma água verde esmeralda, a sala de cinema foi construída para um festival. Com o sucesso da estrutura, ela foi doada a população local e se tornou um dos principais pontos turisticos do país

  
  
Projetado pelo renomado arquiteto alemão Ole Scheeren, a sala flutuante comporta 84 espectadores por sessão

Já pensou em assistir um filme dentro de uma lagoa paradisíaca? Esta ideia pode até parecer o roteiro de um longa-metragem romântico produzido em Hollywood, mas existe de verdade. Construído na Ilha de Kudu, na Tailândia, o cinema flutuante é único no mundo em tais dimensões. Inicialmente, o local foi projetado para o Festival "Film on the Rocks Yao Noi", mas o sucesso foi tão grande que os idealizadores doaram a estrutura para uso da comunidade local.

A intenção dos organizadores do Festival era surpreender os amantes da sétima arte e com certeza conseguiram. Construído em 2010 dentro da lagoa Nai Pi Lae, o local resistiu ao tempo e se transformou num dos pontos turísticos mais curiosos e diferentes da Tailândia. Afinal, onde se pode assistir a um filme dentro de uma lagoa paradisíaca com rochas que brotam de uma água verde esmeralda? Só em Kudu Island.

Projetado pelo renomado arquiteto alemão Ole Scheeren, a sala flutuante comporta 84 espectadores por sessão e está dividida em seis áreas. Os sortudos assistem aos filmes sentados em confortáveis puffs ou em bancos estofados. Como a projeção é feita a céu aberto, ela só pode ocorrer após o pôr do sol. Porém, nem a escuridão diminui a beleza do paradisíaco Golfo de Bengala.

O transporte até o cinema flutuante é feito através de pequenas embarcações que levam os visitantes de terra firme à plataforma na lagoa Nai Pi Lae. O percurso dura aproximadamente 10 minutos.

Mapa

.
Confira fotos do cinema flutuante na Tailândia

Construído na Ilha de Kudu, na Tailândia, o cinema flutuante é único no mundo em tais dimensões

.

O transporte até o cinema flutuante é feito através de pequenas embarcações que levam os visitantes de terra firme à plataforma na lagoa Nai Pi Lae

.

A intenção dos organizadores do Festival era surpreender os amantes da sétima arte e com certeza conseguiram

.

Construído em 2010 dentro da lagoa Nai Pi Lae, o local resistiu ao tempo e se transformou num dos pontos turísticos mais curiosos e diferentes da Tailândia

.

Inicialmente, a estrutura foi projetada para o Festival

.

Como a projeção é feita a céu aberto, ela só pode ocorrer após o pôr do sol. Porém, nem a escuridão diminui a beleza do paradisíaco Golfo de Bengala

.
Por Dennys Marcel

  
  

Publicado por em

Marina Ott

Marina Ott

24/09/2014 12:49:38
O máximo!!! Unir cultura, lazer e natureza... Idéia que deve ser seguida para outros lugares do mundo!!!

Fabricio (FF)

Fabricio (FF)

24/09/2014 12:49:01
Eu sou um dos muitos amantes da Sétima Arte. Eu quero ir para este lugar de Conta de Fadas. Simplesmente sem palavras! Sonho!!!! Abraço.

Pedro Lima

Pedro Lima

24/09/2014 10:31:19
Tem muito lugar bonito nesse mundo!

Leonardo Souza

Leonardo Souza

24/09/2014 10:29:52
Muito legal a ideia! Mas acho que estraga a paisagem! Não combina uma estrutura metálica com a beleza e a suavidade do lugar.

TemQueConhecer

TemQueConhecer

24/09/2014 09:49:03
Incrível. Estive na Tailândia com a minha esposa em 2012 e o lugar já é único e com isso ficou absoluto. Parabéns pela idéia.