Trancoso: o destino do momento

As praias de Trancoso proporcionam momentos de verdadeiro deleite. Do Rio da Barra à praia dos Coqueiros são vários quilômetros de praias transparentes

  
  
Trancoso

Imagine-se em um lugar mágico, onde tudo parece estar em seu devido lugar. Assim é Trancoso, distrito que nasceu em 1586 e em 1759 foi elevado à vila. É originário de uma antiga aldeia jesuítica denominada São João Batista dos Índios.

O Quadrado (quadro em movimento), típica forma de povoamento dos jesuítas concentra a igreja e as casinhas, que a partir do crescimento da atividade turística foram transformadas em lojas, bares, restaurantes e pousadas de alto nível. Árvores centenárias, como jaqueiras, mangueiras, amendoeiras e jacarandás emolduram e dão um clima todo especial ao Quadrado, que resume boa parte da vida de Trancoso.

Do mirante, localizado atrás da igreja, descortina-se uma deslumbrante vista do mar de Trancoso. Por estas e outras Trancoso encanta visitantes brasileiros e estrangeiros de várias partes do mundo. Muitos deles não resistiram aos encantos do lugar e deixaram tudo para viver lá. A mistura de línguas e etnias forma uma diversidade cultural que se manifesta como uma atração à parte, onde as pessoas da terra convivem harmonicamente com os novos moradores. O resultado da mistura se reflete na gastronomia variada e no modo de vida do lugar.

Trancoso

As praias de Trancoso proporcionam momentos de verdadeiro deleite. Do Rio da Barra à praia dos Coqueiros são vários quilômetros de praias transparentes, entrecortadas por rios, e mangues, um dos ecossistemas mais ricos e produtivos da terra. As águas límpidas e mornas são um convite irresistível ao mergulho. Barracas de praia com cobertura de piaçava oferecem mais conforto e opções gastronômicas, como peixe assado na telha, lagosta, moqueca de peixe, casquinha de siri, carnes e mariscos em geral.

Fonte: Prefeitura de Porto Seguro

  
  

Publicado por em