Pesca amadora une a paz da natureza à emoção da pesca

Uma das primeiras profissões da humanidade, a pesca, vem se tornando cada vez mais o hobby de milhares de pessoas ao redor do mundo e o Brasil vem se transformando em um dos principais polos de pesca amadora do mundo

  
  
O Brasil é um lugar perfeito para a prática da pesca amadora. Com grande número de rios e seus oito mil quilômetros de costa marítima

Uma das primeiras profissões da humanidade, a pesca, vem se tornando cada vez mais o hobby de milhares de pessoas ao redor do mundo.

Desde 1998 a pesca esportiva passou a ser tratada oficialmente como um segmento turístico, com incentivo do Programa Nacional de Desenvolvimento da Pesca Amadora (PNDPA).

O Brasil é um lugar perfeito para a prática da pesca amadora. Com grande número de rios e seus oito mil quilômetros de costa marítima, aliado ao enorme número de espécies de peixes e áreas preservadas, atraem pescadores de todo o mundo.

Para quem gosta de se aventurar nas águas agitadas do mar, cidades como Vitória (ES), Ilha Mexiana (PA), Arraial do Cabo (RJ), Guaíra (PR) e Angra dos Reis (RJ) são ideais para pesca oceânica. Entre as espécies existentes por aqui, as mais conhecidas são: Agulhão, Dourado, Wahoo, Garoupa, Atuns, Marlin Branco e Azul. Aliás, o mar brasileiro é um dos mais promissores do mundo para a pesca do Marlin Azul, um dos peixes mais desafiadores do mundo.

Para quem prefere um ambiente mais tranqüilo, mas não menos emocionante, os destinos mais famosos para a pesca em rios são a Amazônia, o Pantanal (MT/MS), além dos rios Araguaia, São Francisco e do Paraná. Existem muitas espécies encontradas nas águas doces brasileiras, que são extremamente desafiadoras como o Black Bass, Cachara, Dourado, Jaú, Matrinxã, Pintado e o Tucunaré. Muitos desses peixes só são encontrados em nossos rios.

Para os menos experientes, a dica é procurar rios mais calmos e que tenham peixes fáceis de serem pescados, como Tambaqui, Tilápia, Traíra, Piranha e Pacú.

Nosso País, principalmente pela Amazônia, é considerado o mais importante destino de pesca amadora do mundo. Cerca de três mil turistas estrangeiros desembarcam todos os anos na Amazônia para pescar.

O brasileiro também é apaixonado pela pesca. Estima-se que existam atualmente 25 milhões de pescadores amadores no País.

Além de ser prazerosa, a pesca também colabora para que os destinos turísticos conservem os recursos naturais e desenvolvam sua economia local por conta do grande número de turistas.

Você que gosta de pescar, conheça o Brasil através da pesca. Você vai ver que não é papo de pescador.

Conheça os Cadernos e Manuais de Segmentação do Ministério do Turismo e saiba mais sobre o Turismo de Pesca.

Fonte: MTur

  
  

Publicado por em