10 sites de carona pra você VIAJAR DE GRAÇA.

Viajar de carona pode ser mais fácil e seguro do que você pensa.

  
  

Um dos itens que mais oneram uma viagem normalmente é a passagem para o lugar onde se vai. Para reduzir este custo existem algumas saídas bastante eficientes. Nós já falamos sobre como fazer para acumular, monitorar e até multiplicar milhas aéreas, as quais podem te proporcionar viagens incríveis, nacionais ou internacionais.
Uma outra opção é ir de carona!
.

.

A carona é uma prática antiga que as pessoas deixaram por temer quanto à segurança. Porém, quando motorista e caroneiro se conhecem e combinam a carona com antecedência, tudo pode ser mais fácil.

.

.

Atualmente parece que as atividades as quais as pessoas sempre quiseram fazer, mas antes não faziam por grande receio com a própria segurança, estão sendo possíveis graças à tecnologia (veja o exemplo do Couchsurfing, com mais de 5 milhões de membros no mundo inteiro e se tornando febre no Brasil). Hoje existem sites especializados em carona, e as redes sociais também estão contribuindo para que esta prática seja cada vez mais comum e mais segura. O objetivo é eliminar a maior adversidade desta prática: o MEDO! A questão da segurança atinge não só quem dá carona, mas da mesma forma quem pega também, os dois estão correndo o mesmo risco. Se cadastrando nos sites e redes sociais, trocando o máximo de informações de ambos, é possível combinar caronas para viagens curtas, longas (gratuitas, ou dividindo a gasolina), ou até para andar na sua cidade.
.

.

Uma prática simbolo dos anos 60... hoje uma forma sustentável de viajar. Companhia para o motorista que iria sozinho e

.

.

Nos sites e nos perfis das redes sociais, você se mune de muitas informações pessoais da outra pessoa, pode conversar com ela por mensagem, telefone, ver o que ela faz, compartilhar que estão viajando juntas e olhar referências sobre esta pessoa, que estarão nos comentários das páginas. Claro que isso não impede 100% que algo aconteça, mas certamente reduz e muito a possibilidade de uma indisposição na carona, a incidência de violência, ou as chances caroneiros ou motoristas passarem por situações delicadas.

Dicas para viajar de carona:

Use a tecnologia a seu favor
Procure utilizar estas ferramentas (sites ou as redes sociais) para conversar com o(a) motorista antes de encontrá-lo(a), procure o máximo de informações sobre ele(a) como ocupação, preferências, gosto, visão das coisas… Isto pode te ajudar a selecionar melhor sua carona, além de dar assunto para vocês conversarem durante a sua viagem.
.

.

Aproveite a febre dos

.

.

Viaje sozinho ou em dupla
Existem vantagens e desvantagens em viajar sozinho. No caso do caroneiro, é possível que sinta mais confiança se for com mais alguém. Quando se combina a carona com antecedência, ir em dois pode ser fácil, porém quando se está com o dedo na estrada pode dificultar um pouco principalmente se os caronistas forem homens. Mas tanto na estrada, como nas caronas combinadas, um número maior do que 2 pessoas vai inibir o motorista.

Não viaje de mudança
Partindo do princípio de que está sendo oferecida a você uma gentileza, não abuse. Seja econômico na sua bagagem, principalmente porque provavelmente o motorista também estará viajando e precisará de espaço para as bagagens dele.
.

.

Não exagere na bagagem se você é caroneiro. Você não sabe quanto espaço está à disposição para você.

.

.

Educação é bom e todo mundo gosta
Quando alguém pega uma carona deve ter noção de bom senso e educação. Lembrando que o motorista está ajudando, ou seja fazendo uma gentileza, educação é o mínimo que se espera de volta. Evitar entrar sujo ou molhado no carro. Caso tenha fome, pergunte antes se pode comer, mesmo assim evite alimentos com cheiro forte, que esfarelem ou com muito molho. Se você for fumante a regra é mais rígida. As pessoas detestam que outras fumem em seus carros, então espere uma parada para abastecer ou ir ao banheiro.

Estudar o mapa
Em uma viagem estudar o caminho em que vai passar ou as rotas alternativas é de extrema importância. Isto é sempre, mesmo que você vá de ônibus. Imagina de carona! Saber o caminho te ajuda a se localizar e ter certeza que não houveram desvios. Ainda pode ajudar um motorista que por ventura não conheça muito bem a estrada a não fazer estes devios por descuido. Um GPS, mesmo que do celular pode ser muito útil.
.

.

Saber onde está, por onde passou e para onde deve ir é uma dica preciosa.

.

.

Avise as pessoas
Avise pessoas da sua família ou amigos próximos que está indo viajar de carona. Dê o trajeto, se tiver informações do(a) motorista, passe para alguém, se possível ligue no caminho. Como um(a) bom(a) viajante tire fotos, grave vídeos. Isso tudo faz parte do passeio, de ser turista e dá mais uma forcinha na segurança.

Pergunte sobre o custo
As caronas podem ser totalmente gratuitas, mas também podem ser remuneradas. Alguns dos sites de carona, oferecem normalmente caronas remuneradas, como é o caso do Uber, Zazno e o Wego, mas mesmo assim a ideia é uma ajuda de custo que deve ser sempre mais barata que comprar passagens de ônibus por exemplo. Nesse caso é necessário se certificar com antecedência, se a carona vai pedir essa ajuda e qual será o valor.

No mais, use da boa educação, não ignore a sua intuição, e mesmo que a tecnologia possa ajudar a reduzir os riscos esteja sempre de olhos bem abertos. Ao mesmo tempo, é importante estar aberto a conhecer a pessoa que está te ajudando, você pode ter oportunidade bater um papo, compartilhar histórias e fazer uma boa amizade.
.

.

Compartilhar, se permitir, se abirir a conhecer pessoas e viver com menos desconfiança.

.

.

Abaixo uma lista de 10 sites de carona para viagens curtas, longas, gratuitas e remuneradas:

www.tripda.com.br
www.zaznu.co/
www.caronasegura.com.br
www.couchsurfing.org
www.caronas.com.br
www.caronasolidaria.com
www.dwingo.com
www.caronas.co
www.caronafacil.com
www.caroneiros.com

Além destes sites exitem aplicativos para smart phones como o Wego, o Karona, o Dwingo e o Zaznu.
Nos sites o número de pessoas pedindo carona costuma ser maior do que de motoristas oferecendo lugares em seus veículos, algo que pode atrapalhar um pouco para conseguir fechar a carona para uma viagem. Outra opção auxiliar e eficaz, são os grupos das redes sociais. Existem grupos com nomes dos trajetos (ex: Floripa/Porto Alegre), que estão sempre sendo movimentados, e nestes a oferta e demanda é mais equilibrada.

Este post teve maior ênfase na novidade das caronas combinadas, aliadas às páginas nas redes e os sites espacializados no assunto. Posteriormente farei outro post falando mais sobre como funciona na estrada, com carros, caminhões e outros, já esta é a forma de carona ainda mais praticada.

  
  

Publicado por em